NOTA DE FALECIMENTO: Antônio Augusto Cançado Trindade

A Sociedade Latino-Americana de Direito Internacional (SLADI) lamenta profundamente o falecimento do respeitado jurista e professor Antônio Augusto Cançado Trindade, o qual foi presidente da SLADI eleito por unanimidade e aclamação, e faleceu neste último domingo (29.05.2022), em Brasília, aos 74 anos de idade.


Nascido em Belo Horizonte – Minas Gerais, em 1947, Cançado Trindade se formou em direito pela Universidade Federal de Minas Gerais em 1969; e tornou-se mestre e doutor em Direito Internacional pela Universidade de Cambridge.


Foi juiz da Corte Internacional de Justiça (CIJ), cargo que ocupou desde 6 de fevereiro de 2009 até a sua morte. Também foi juiz e presidente da Corte Interamericana de Direitos Humanos (Corte IDH), bem como membro da Corte Permanente de Arbitragem. Ademais, foi consultor jurídico do Ministério das Relações Exteriores do Brasil, professor emérito da Universidade de Brasília, professor do Instituto Rio Branco, além de várias outras posições que ocupou ao longo da sua prestigiada carreira.


Com ampla produção acadêmica e diversos prêmios recebidos, consagrou-se como referência no campo do Direito Internacional e de Direitos Humanos, alcançando admiração a nível nacional e mundial. Com uma jurisprudência pioneira do reconhecimento de Direitos Humanos e reparações para vítimas e familiares, contribuiu, pois, para uma maior humanização do direito internacional.


A SLADI, admiradora do Professor Cançado Trindade, expressa a seus familiares os mais sinceros pêsames, com a certeza de que sua memória seguirá viva, por meio do seu importantíssimo legado ao Direito Internacional.


Entradas destacadas
Entradas recientes
Archivo
Buscar por tags
Nenhum tag.
Síguenos
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square